Rehuf

Ebserh autoriza a liberação de R$ 50 milhões para os hospitais universitários federais

sex, 13/04/2018 - 13:53

Recursos são oriundos do MEC para os planos de trabalho aprovados das unidades

Brasília (DF) – Os hospitais universitários federais do país terão o incremento financeiro de R$ 50 milhões para despesas de custeio. A disponibilização dos recursos foi autorizada durante reunião do comitê gestor do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (Rehuf), ocorrida na última quarta-feira, 11.

Os recursos para os 48 hospitais relacionados serão liberados de acordo com a aprovação de planos de trabalho enviados para a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), estatal vinculada Ministério da Educação (MEC) que faz a gestão do Rehuf. A verba é destinada ao abastecimento e manutenção das unidades, tais como aquisição de medicamentos e insumos, pagamento de contratos continuados de prestação de serviços, dentre outros.

Em 2018, os recursos do Rehuf para os planos de trabalho enviados pelos hospitais para a Ebserh/MEC já somam R$ 131,5 milhões, incluindo esta última autorização. “Esses recursos ajudarão a garantir o abastecimento das unidades e o atendimento à população, tanto na parte assistencial, quanto no desenvolvimento de atividades de ensino, pesquisa e extensão”, destacou o presidente da Ebserh, Kleber Morais.

O Programa

Os recursos do Rehuf são oriundos dos ministérios da Educação (MEC) e da Saúde (MS). O programa destina-se à reestruturação e revitalização dos hospitais das universidades federais, incluindo as não filiadas à Ebserh, estatal vinculada ao MEC, que administra 39 hospitais universitários federais. A descentralização obedece a critérios como o porte do hospital (número de leitos), o perfil assistencial (baixa, média ou alta complexidade), obras e reformas em andamento, entre outros.

O objetivo é criar condições materiais e institucionais para que os hospitais universitários federais possam oferecer atendimento médico e hospitalar de qualidade à população, assim como proporcionar a formação qualificada de profissionais da área de saúde. O programa também prevê iniciativas de modernização da estrutura física e do parque tecnológico dos hospitais.

Fonte
Coordenadoria de Comunicação Social da Ebserh
Região centro-oeste
Ebserh Sede
Release