Minha História com a Rede Ebserh Minha História com a Rede Ebserh

O projeto “Minha História com a Rede Ebserh” apresenta relatos de superação e a trajetória até a cura dos pacientes atendidos pelos nossos hospitais universitários federais. É o seu trabalho mudando a vida de quem mais precisa!

Voltar

"Fiz quatro cirurgias no HUGV e, se precisar de novo, escolheria esse hospital entre todos da cidade".

Minha História com a Rede Ebserh

"Fiz quatro cirurgias no HUGV e, se precisar de novo, escolheria esse hospital entre todos da cidade".

Imagem

Desde 2015, fiz quatro cirurgias aqui no HUGV: a primeira foi para retirada da vesícula, em setembro de 2015, ainda no antigo prédio do HUGV. Em 2016, retornei para cirurgia de hérnia inguinal, e em 2017, já no novo prédio, fiz mais duas cirurgias: uma hérnia inguinal e outra umbilical.

 Manaus estava precisando há muito tempo de uma Casa de Saúde como essa.  Fui a outros hospitais da cidade, mas não conseguia atendimento e nem quem resolvesse meus problemas de saúde, e o HUGV me acolheu. Foi no HUGV, onde procurei a ouvidoria, que fui informado sobre como proceder e iniciar meu tratamento.

Na minha primeira cirurgia, todos me trataram bem, mas faltava estrutura no hospitalar, faltava conforto, afinal era um prédio com mais de 50 anos. Hoje, aqui no novo hospital, está tudo super organizado, é um hospital 5 estrelas, com profissionais excelentes.

Um hospital para mim tem que ter estrutura para o atendimento,mas ,principalmente, o hospital tem que ter uma boa equipe. Não adianta o hospital ser bonito e não ter qualidade. Aqui no HUGV eu encontrei as duas coisas.

Confio na equipe que me atendeu durante todo esse tempo, passei por três equipes médicas diferentes e todas foram excelentes. Caso eu precise fazer outra cirurgia, voltarei com certeza.

Indico o HUGV para qualquer pessoa, amigo ou familiar. Mesmo se pudesse escolher entre todos os hospitais da cidade, públicos ou privados, escolheria o Hospital Universitário Getúlio Vargas.

José Francisco, 55 anos, vendedor autônomo.

Sobre a Ebserh

Desde novembro de 2013, o Hospital Universitário Getúlio Vargas  da Universidade Federal do Amazonas (HUGV-Ufam), é filiado à Ebserh, estatal vinculada ao Ministério da Educação, que administra atualmente 39 hospitais universitários federais.

O objetivo é, em parceria com as universidades, aperfeiçoar os serviços de atendimento à população, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), e promover o ensino e a pesquisa nas unidades filiadas.

O órgão, criado em dezembro de 2011, também é responsável pela gestão do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (Rehuf), que contempla ações nas 50 unidades existentes no país, incluindo as não filiadas à Ebserh.