Minha História com a Rede Ebserh Minha História com a Rede Ebserh

O projeto “Minha História com a Rede Ebserh” apresenta relatos de superação e a trajetória até a cura dos pacientes atendidos pelos nossos hospitais universitários federais. É o seu trabalho mudando a vida de quem mais precisa!

Voltar

“O HUGG sempre trata seus pacientes com dedicação, atenção e humanização”

Minha História com a Rede Ebserh

“O HUGG sempre trata seus pacientes com dedicação, atenção e humanização”

Imagem

Trabalho há cinco anos no Hospital Universitário Gaffrée e Guinle (HUGG). Em maio do ano passado, ao chegar, passei mal pela manhã, sentindo dores muito fortes; acreditei que iria desmaiar. Resolvi ir até a enfermaria para pedir ajuda, onde fui recebida pelo professor Antônio Carlos Iglesias.

Prontamente fui atendida pela equipe de enfermagem e, após melhorar, voltei para casa achando que tudo ficaria bem. Entretanto, tive mais duas crises que me deixaram assustadas e acabei sendo internada. Passei por uma bateria completa de exames mais detalhados, com o objetivo de encontrar o problema, mas não identificaram nada, apesar das dores persistirem.

Resolvi, então, tentar, paralelamente, um atendimento particular, com um clínico geral. Mas tive uma péssima recepção. Além de não me pedirem nenhum exame, ainda fui recomendada a tomar uma série de remédios para o fígado, sendo que nunca tive problemas relacionados a isso.

Foi neste momento que vi como fui bem assistida no HUGG. Tinha consultas quase toda a semana, que me permitiram, após quase um mês e meio, tratar de fato o problema. Agora estou curada e devo isso à instituição, que apesar de todos os contratempos, sempre trata seus pacientes com dedicação e atenção, sem esquecer do lado da humanização”.

Lydia Almeida Costa, assistente administrativa

Sobre a Ebserh

Desde dezembro de 2015, o HUGG-UNIRIO é filiado à Ebserh, estatal vinculada ao Ministério da Educação que administra atualmente 39 hospitais universitários federais. O objetivo é, em parceria com as universidades, aperfeiçoar os serviços de atendimento à população, por meio do SUS, e promover o ensino e a pesquisa nas unidades filiadas.

A empresa, criada em dezembro de 2011, também é responsável pela gestão do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (Rehuf), que contempla ações nas 50 unidades existentes no país, incluindo as não filiadas à Ebserh.