Releases Releases

Voltar

Higienização das mãos é tema de ações nos hospitais da Rede Ebserh

Segurança do paciente

Higienização das mãos é tema de ações nos hospitais da Rede Ebserh

Atividades alusivas ao dia 5 de maio, definido pela OMS como Dia Mundial de Higiene das Mão

Brasília (DF) – Com palestras, ações educativas, distribuição de materiais informativos, hospitais vinculados à Rede Ebserh estão atuando na prevenção de infecções hospitalares, conscientizando as pessoas sobre a importância da correta higienização das mãos. As ações são voltadas aos profissionais, pacientes e acompanhantes para a adoção de medidas que favoreçam a segurança do paciente no ambiente hospitalar.

As atividades alusivas ao dia 5 de maio, definido pela Organização Mundial de Saúde (OMS) como Dia Mundial de Higiene das Mãos, se intensificam durante o quinto mês do ano, mas não se restringem ao período. Durante todo o ano, há o acompanhamento das ações visando a segurança do paciente.

Segundo a OMS, o ato de lavar as mãos com sabão impede em 40% a incidência de infeções tais como a diarreia, gripe, resfriado, erupções e doenças de pele, dores de garganta, infeções no ouvido e estômago. Muitos fungos e germes se acumulam nas mãos e são facilmente transmitidos a outras pessoas.

Veja as atividades na Rede Ebserh.

Sobre a Ebserh

Instituição vinculada ao Ministério da Educação (MEC), a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) administra atualmente 40 hospitais universitários federais. O objetivo é, em parceria com as universidades, aperfeiçoar os serviços de atendimento à população, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), e promover o ensino e a pesquisa nas unidades filiadas.

A empresa, criada em dezembro de 2011, também é responsável pela gestão do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (Rehuf), que contempla ações em todas as unidades existentes no país, incluindo as não filiadas à Ebserh.

Com informações do HUFs